VIDEORREPORTAGENS

30 de jan de 2011

Consumo de carne com hormônio afeta fertilidade


Mães que consumiram grande quantidade de carne de boi tratado com hormônios para fomentar o crescimento do animal podem ter filhos menos férteis, sugeriu estudo da Universidade de Rochester, nos Estados Unidos. O estudo, publicado em Human Reproduction, relacionou o uso destas substâncias a danos no esperma humano, ao constatar que os filhos de mulheres que consumiram carne em excesso têm uma possibilidade três vezes maior de ter uma contagem de esperma tão baixa que podem ser classificados como sub-férteis. O uso de substâncias que promovem o crescimento do gado foi proibido na Europa em 1988 mas, embora os Estados Unidos tenham banido alguns desses produtos em 1979, outros, como os hormônios sexuais testosterona e progesterona, ainda podem ser usados na pecuária. A equipe de Rochester examinou a contagem de esperma de homens americanos nascidos entre 1949 e 1983. (Fonte: BBC Brasil).

Nenhum comentário:

Postar um comentário